Resultados da busca

Incluir no Meu Guia

Regular Armazém do Alemão (Alemã)

Restaurante alemão que tem no cardápio sugestões variadas, grelhados e
pratos executivos. Entre as receitas que se destacam, há joelho de porco cozido com chucrute e carré de suíno frito com repolho-roxo.

R. Bacaetava, 343 - Vila Gertrudes - Sul. Telefone: 5041-8799 Endereços

Regular Bar do Alemão (Alemã)

A casa nasceu em Itu e hoje espalha filiais por São Paulo. O menu sugere receitas típicas da Alemanha, caso do eisbein (joelho de porco) com purê de ervilhas, chucrute e linguiça. O carro-chefe, porém, não vem daquele país: o filé à parmigiana, bem servido, serve até cinco pessoas.

Bar do Alemão (Jardim Paulistano): R. Dr. Mário Ferraz, 490 - Jardim Paulistano - Oeste. Telefone: 3078-3828 Endereços

Regular Bierquelle (Alemã)

Com ambientação típica e despojada, o restaurante do alemão Bierquelle -que significa fonte de cerveja- traz receitas germânicas, a exemplo do paprikaschnitzel, que leva carne de boi ou de porco ao molho de páprica e vem acompanhado de massa spätzle. De sobremesa, experimente o strudel de maçã, feito com a fruta e massa folhada.

Av. Prof. Papini, 169 - Cidade Dutra - Sul. Telefone: 5666-3416 Endereços

Regular Caverna Bugre (Alemã)

O restaurante serve há 60 anos um menu em que constam especialidades alemãs e pratos de outras cozinhas. O carro-chefe é o filé alpino (R$ 38,80), gratinado e coberto com copa, Catupiry, provolone e molho inglês, servido com arroz branco.

R. Teodoro Sampaio, 334 - Pinheiros - Oeste. Telefone: 3085-6984 Endereços

Jucalemão (Alemã)

Um dos campeões da comida diferente e barata -no caso, pratos alemães feitos em porções generosas e ingredientes adaptados ao gosto médio brasileiro

Jucalemão (Continental Shopping): Av. Leão Machado, 100, 3º piso - Parque Continental - Oeste. Telefone: 3765-3731 Endereços

Regular Konstanz (Alemã)

Misto de choperia e restaurante alemão, a casa possui estilo alpino e tem a chef Anna Meireles como responsável pelo menu. Entre as sugestões, camarões grelhados com arroz ao alho. Para beber, o cliente pode escolher um dos rótulos de cervejas alemãs importadas, entre elas, a Warsteiner.

Av. Aratãs, 713 - Indianópolis - Sul. Telefone: 5543-4813 Endereços

Lukullus (Alemã)

A casa, rústica e acolhedora, é especializada na culinária alemã, preservando a tradição. Possui panificadora própria.

R. Alexandre Dumas, 1.541 - Chácara Santo Antônio - Sul. Telefone: 5181-1692 Endereços

Regular Parrilla do Alemão (Alemã)

Restaurante típico das cozinhas alemã e suíça, após 20 anos em Interlagos, mudou-se para uma nova casa, no Campo Belo. No cardápio estão pratos como o filé steak com molho de raiz-forte e batata frita e a vitela picada com molho de champinhom. Oferece rodízio de fondues (carne, queijo e chocolate), linguiças e salsichas de fabricação própria

R. Pascal, 608 - Campo Belo - Sul. Telefone: 3805-2213 Endereços

Bom Picchi (Alemã)

Após abrir e fechar o seu Pichii duas vezes -o restaurante surgiu em 2007 no Itaim, onde ficou até 2012; reabriu no ano seguinte, em novo endereço, e encerrou as atividades em dezembro de 2013-, o chef Pier Paolo Picchi volta à ativa em sua terceira empreitada, desta vez dentro do hotel Regent Park. Aposta são as receitas de raiz italiana, como o al dente pici com molho de linguiça calabresa, feijão branco e peperoncino (pimenta).

R. Oscar Freire, 533 - Cerqueira César - Oeste. Telefone: 3065-5560 Endereços

Regular Von Kessel (Alemã)

Apesar da forte vocação para choperia, a cozinha alemã é o seu principal chamariz. Entre as especialidades, estão o eisbein com chucrute e o páprica schnitzel.

Av. Rebouças, 3.970, 3º piso - Pinheiros - Oeste. Telefone: 3813-8459 Endereços

Weinstube (Alemã)

Instalado dentro do Clube Transatlântico, o restaurante é especializado na culinária alemã. O cardápio oferece variedade de salsichas e o tradicional joelho de porco com chucrute, mas vai além disso. Há também receitas como o "späetzle", tipo de nhoque alemão de batatas, incrementado com queijo de cabra e tomates frescos.

R. José Guerra, 130 - Chácara Santo Antônio - Sul. Telefone: 2133-8600 Endereços

Regular Windhuk (Alemã)

O restaurante alemão foi fundado em 1948 por um ex-tripulante do navio de guerra Windhuk. Em uma casa de estilo alpino, serve receitas clássicas daquele país sob o comando de Valfrido Krieger . Entre as opções estão especialidades como o kassler (carré suíno cozido com batata cozida e chucrute), e o "paprikaschnitzel" (que pode ser feito com filé-mignon).

Al. dos Arapanés, 1.400 - Indianópolis - Sul. Telefone: 5044-2040 Endereços

Regular Abu-Zuz (Árabe)

Localizado numa rua comercial do Brás, o espaço serve cozinha árabe de ares caseiros com presteza e simplicidade, incluindo pratos menos conhecidos. Disponível às quartas e aos sábados, o uzi de cordeiro é uma massa folhada recheada de arroz e cordeiro desfiado, com coalhada fresca à parte.

R. Miller, 622 - Brás - Leste. Telefone: 3315-9694 Endereços

Al Baladi (Árabe)

Funciona no mesmo espaço do extinto St. Honoré e faz parte do time dos árabes sofisticados. O menu é apinhado de pratos tradicionais, com sugestões de harmonização com vinhos. Comece com o incomum homus de beterraba (R$ 20). Outra opção são os charutinhos de folha de uva recheados com arroz e carne moída (R$ 34).

R. Pais de Araújo, 185 - Itaim Bibi - Oeste. Telefone: 2538-5993 Endereços

Regular Al Basha (Árabe)

Em um lugar pequeno e modesto, tem as panelas comandadas pela li­banesa Marina Matar Haddad. Oferece sanduíches enrolados em pão sírio (como o shawarma de contrafilé), petiscos típicos e pratos como o carneiro servido com coalhada fresca e pão torrado. A tripa recheada de cordeiro e arroz marroquino é vendida sob encomenda.

R. Humberto Primo, 1.038 - Vila Mariana - Sul. Telefone: 5908-1294 Endereços

Regular Almanara (Árabe)

Fundado em 1950 pela família Coury, no charmoso endereço da rua Basílio da Gama, tornou-se uma rede que serve os pratos libaneses triviais, como quibes cru e assado, cafta e charutos de repolho e de folha de uva. Melhor árabe pelo Datafolha

Almanara (Cerqueira César): R. Oscar Freire, 523 - Cerqueira César - Oeste. Telefone: 3085-6916 Endereços

Arabesco (Árabe)

Em uma esquina de Perdizes, serve, desde sua inauguração em 1987, as receitas sírio-libanesas da avó do proprietário Beto Isaac, com o cuidado de usar os mesmos temperos para que os pratos permaneçam fiéis aos produzidos em determinadas regiões do Líbano e da Síria. Fazem sucesso ali o arabesco integral (mistura de trigo grosso com grão de bico e cubos de frango ao molho de especiarias árabes), e o falafel (bolinhos de grão de bico com molho e salada). No andar superior, um pequeno playground distrai as crianças.

Arabesco (Perdizes): R. Dr. Homem de Melo, 494 - Perdizes - Oeste. Telefone: 3872-8164 Endereços

Bom Arabia (Árabe)

Num ambiente refinado, com cadeiras de vime e faixas de tecido decorando o teto, o restaurante apresenta cardápio libanês legítimo, com pratos preparados pela chef Leila Kuczynski. Dentre as especialidades, está o fatayer de carne (uma esfirra feita na chapa) com batata ralada e cebola. Servido apenas aos sábados, o cuscuz marroquino chega à mesa com carneiro, linguiça e legumes.

Arábia (Vila Olímpia): R. Fiandeiras, 422 - Vila Olímpia - Oeste. Telefone: 3845-5373 Endereços

Regular Arabíe (Árabe)

Instalado numa região movimentada do Itaim Bibi, o restaurante é uma opção de almoço comercial -mas a casa fica aberta ao longo do dia. Ali são encontrados clássicos das casas do gênero, como coalhada seca, homus, baba ghanoush e esfirras de carne, ricota e verdura. Há também opções de pratos do dia, como as minicaftas com berinjela e arroz com lentilha, servido às segundas.

R. Dr. Renato Paes de Barros, 103 - Itaim Bibi - Oeste. Telefone: 2506-1966 Endereços

Regular Baalbeck (Árabe)

Discreta, a casa tem balcão de rotisseria na entrada e, mais ao fundo, mesas onde são servidos pratos árabes a bons preços. Às quintas, entra em cartaz o chich barak (cappelletti cozidos na coalhada) e, aos sábados, o miluquie (verdura libanesa com carne, frango e arroz).

Al. Lorena, 1.330 - Jardim Paulista - Oeste. Telefone: 3088-4820 Endereços

Bom Baruk (Árabe)

A casa investe em pratos da cozinha árabe em sistema de rodízio ou à la carte. O menu lista pratos triviais, como esfirras e quibe frito, e também opções mais elaboradas, como o michui de filé-mignon, com homus e cuscuz marroquino, e o picadinho de berinjela, com creme branco e amêndoas.

Baruk (Itaim Bibi): R. Bandeira Paulista, 399 - Itaim Bibi - Oeste. Telefone: 3895-9990 Endereços

Regular Brasserie Victoria (Árabe)

Apesar do nome francês, é uma casa árabe tradicional, com ambiente mais arrumadinho. No balcão há salgados, como as esfirras convencionais ou folhadas. Nas mesas, há opções à la carte, como arroz com carneiro. A maior procura é pelo rodízio, que inclui um famoso quibe cru.

Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 545 - Vila Nova Conceição - Sul. Telefone: 3040-8897 Endereços

Casa Cury (Árabe)

Inaugurada há dois meses em um pequeno imóvel em Perdizes, a casa especializada em cozinha árabe tem clima familiar. Opção de entrada é a linguiça de cordeiro fatiada sobre homus. Entre os pratos principais, a cafta vem acompanhada de salada verde, pão pita, fritas e coalhada ou homus. Curiosamente, não serve esfirras.

R. Apinajés, 597 - Perdizes - Oeste. Telefone: 2589-1218 Endereços

Bom Casa Garabed (Árabe)

No início, o local era uma padaria que vendia pães armênios e esfirras. Mais de 60 anos depois, agora no restaurante, as protagonistas continuam sendo as esfirras, feitas no mesmo forno a lenha de 1951. Serve ainda outras especialidades, como o basturmã (carne-seca em fatias bem finas) com ovos mexidos e pão sírio. Tome nota do endereço, pois a casa não tem placa na porta.

R. José Margarido, 216 - Santana - Norte. Telefone: 2976-2750 Endereços

Regular Casa Líbano (Árabe)

Rodeada por lojas de roupa, a casa segue preceitos islâmicos no preparo dos alimentos. Das receitas, trazidas para o Brasil em 1975 pelo casal libanês que dirige a casa, chamam a atenção o quibe cozido na coalhada e cappelletti de carne e o risoto com carne de carneiro e amêndoas. Passou a vender bebidas alcoólicas, antes vetadas no cardápio. Tem ainda um menu de receitas vegetarianas.

R. Br. de Ladário, 831 - Brás - Leste. Telefone: 3313-0289 Endereços

Bom Farabbud (Árabe)

A tradição das famílias Farah e Abbud, ambas de descendência árabe, dão corpo à cozinha do restaurante. Num salão diminuto, com mesas coladas e um deque na entrada, serve a quadra de ases, uma degustação com especialidades: quibe cru, trigo frique, baba ghanoush, homus e coalhada.

Al. dos Anapurus, 1.253 - Indianópolis - Sul. Telefone: 5054-1648 Endereços

Regular Folha de Uva (Árabe)

Tradicional, conta com um bufê com bom custo-benefício, que inclui pratos típicos frios (homus, quibe cru e tabule), grelhados, esfihas e receitas como arroz com lentilha e abobrinhas recheadas.

Folha de Uva (Consolação): R. Bela Cintra, 1.435 - Consolação - Centro. Telefone: 3062-2564 Endereços

Regular Gibran (Árabe)

Sem nenhuma pinta das tradicionais casas de esfiha da cidade, o árabe moderninho tem a consultoria do experiente chef libanês Benon Chamilian. No menu, há as tradicionais pastas, esfihas (entre elas, a de bastrmá, a carne-seca armênia com mozarela), quibe de peixe e kebabes (inclusive uma versão com quibe cru temperado). Entre as sobremesas, está o mahalabie (manjar de leite).

R. Com. Miguel Calfat, 296 - Vila Nova Conceição - Sul. Telefone: 2083-1593 Endereços

Jacob (Árabe)

O restaurante surgiu na região da rua 25 de Março, fundado por uma família libanesa. Com proposta despretensio­sa, serve esfirras que fizeram a fa­ma da casa. Os salgados dividem espaço com outras sugestões, caso da lin­guiça síria, feita de carne bovina e um toque de vinho, e do charuto de folha de uva.

Jacob (Centro): R. Com. Abdo Schahin, 144, fundos - Centro - Centro. Telefone: 3227-5536 Endereços

Regular Kibe Kibe & Cia (Árabe)

Lugar informal, com decoração rústica e mesas de madeira, serve uma deliciosa esfirra assada na hora. Há ainda alguns pratos mais elaborados como o chich barak (massa recheada cozida na coalhada). No almoço, oferece um bufê típico e rodízio (este disponível também no jantar).

Kibe Kibe & Cia (Campo Belo): R. Vieira de Morais, 289 - Campo Belo - Sul. Telefone: 5093-6443 Endereços

Regular Mama Leila (Árabe)

Funciona em sistema de bufê cobrado por quilo ou com preço fixo (para comer à vontade). Traz pra­tos como quibe cru e mussacá. Em ambientação simples, que atrai um público do bairro, a ca­sa também oferece opções à la carte e alternativas vegetarianas.

R. João Moura, 1.167 - Pinheiros - Oeste. Telefone: 3064-3823 Endereços

Bom Manish (Árabe)

o amplo salão tem decoração moderna e um balcão convidativo logo na entrada. Por traz das receitas árabes do cardápio está a chef Patrícia Abbud, que prepara pratos como o charuto de folha de uva e o quibe vegetariano, feito com abóbora e trigo.

Av. Horácio Lafer, 491 - Itaim Bibi - Oeste. Telefone: 4301-5928 Endereços

Bom Miski (Árabe)

A casa sírio-libanesa foi aberta como rotisseria em 1987 e hoje também atua como restaurante. De quarta e sábado, serve bufê de "melohie", um cozido de verduras, com acompanhamentos como quibe assado e músculo bovino. Entre as opções à la carte, o "chich barak" (cappelletti) tem molho de coalhada e hortelã.

Al. Joaquim Eugênio de Lima, 1.690 - Jardim Paulista - Oeste. Telefone: 3884-3193 Endereços

Regular Monte Líbano (Árabe)

Na região da 25 de Março, o pequeno restaurante está instalado no primeiro andar de um prédio comercial desde 1973, e ainda guarda a aura daquela época. Tocada pela libanesa Alice Maatouk, serve receitas tradicionais feitas com delicadeza, a exemplo do quibe michui recheado com gordura de carneiro, carne com pinoli ou coalhada seca. Para experimentar a maioria dos pratos, opte pelo rodízio, que tem itens como o saboroso tabule e o arroz com lentilhas.

R. Cav. Basílio Jafet, 38, 1º andar - Centro - Centro. Telefone: 3326-3544 Endereços

Regular Raful (Árabe)

Uma das opções mais interessantes na região, está nas redondezas da 25 de Março desde 1967. O carro-chefe são as esfirras de carne. A grande procura se converte em opções sempre quentinhas, recém-chegadas do forno. O salão dos fundos é reservado aos pratos (com preços mais altos) e ao rodízio árabe

Raful (Bela Vista): Av. Brig. Luiz Antônio, 2.159 - Bela Vista - Centro. Telefone: 3171-2955 Endereços

Regular Rosima (Árabe)

Dos mesmos proprietários do Empório Sírio, segue uma linha bem conservadora. Os charutinhos estão entre os pratos que mais fazem sucesso ali, mas uma sugestão mais rara em outras casas é o que o proprietário chama de "mlourie" (ou malukie), uma verdura egípcia servida em um caldo que acompanha frango, músculo cozido, quibe de bandeja, arroz, vinagrete e torrada de pão sírio. Não saia sem provar a ótima esfiha fechada de ricota, cremosa e temperada com cebola e cebolinha

Rosima - Rosima (Paraíso): Av. Brig. Luis Antônio, 3.302 - Paraíso - Oeste. Telefone: 3051-6000 Endereços

Regular Saj (Árabe)

O restaurante aposta na cozinha libanesa bem-feita, servida em ambiente arrojado. Esfirras dividem espaço com o pão-folha, que vai bem com o trio de pastas. O combinado que leva o nome da casa reúne espeto de filé com tomate, arroz califa, tabule, baba ghanoush e pão.

Saj (Pinheiros): R. Joaquim Antunes, 260 - Pinheiros - Oeste. Telefone: 2574-3665 Endereços

Bom Tenda do Nilo (Árabe)

Comandada por duas irmãs, esta minúscula casa no bairro do Paraíso chama a atenção pela hospitalidade e pela boa comida. Além de clássicos da cozinha árabe, como o quibe e o faláfel, pratos menos difundidos por aqui marcam presença no menu. Vale provar o fatte, um pão árabe torrado e coberto por carne desfiada, grão-de-bico e coalhada fresca com castanha-de-caju e alho frito. Aos sábados, as filas de espera são quase inevitáveis.

R. Cel. Oscar Porto, 638 - Paraíso - Sul. Telefone: 3885-0460 Endereços

Effendi (Armênia)

Vale a pena se embrenhar em meio às lojas para noivas da região da rua São Caetano, no centro de São Paulo, e provar a levíssima massa das esfihas da casa. Fundada por Armando Deyrmendjian, de ascendência armênia, a esfiharia serve os salgados desde 1973 e tem jeitão de boteco. Também há itens como quibe cru, homus e basturmã (espécie de carne-seca, geralmente servida com ovo)

R. D. Antônio de Melo, 77 - Luz - Centro. Telefone: 3228-0295 Endereços

Bom Fisherman's Table (Asiática)

O restaurante asiático-americano tem jeitão de bar. O menu foca nos pescados: uma das versões de sushi leva arroz, tempurá de camarão, abacate, pepino e creme de kani. A ala quente traz a canjiquinha com camarão, lula, bacon, ovas de peixe e ovo perfeito.

R. Pedroso Alvarenga, 554 - Itaim Bibi - Oeste. Telefone: 3167-3605 Endereços

Regular Nama Baru (Asiática)

A casa mudou de endereço, mas continua uma representante da cozinha da Tailândia, incluindo algumas outras influências asiáticas. No menu estão as lulinhas crocantes com pimenta (R$ 19,95), e a costelinha salteada na wok com macarrão soba, gengibre doce e picles de cebola (R$ 49,20).

R. Br. do Bananal, 991 - Vila Pompéia - Oeste. Telefone: 2548-7749 Endereços

P.F. Chang's (Asiática)

A rede norte-americana, que tem cerca de 250 unidades espalhadas por 15 países, é especializada em comida asiática. O menu é bem explicado e lista receitas inspiradas em diversas regiões da Ásia, como as lâminas de carne caramelizadas em molho à base de shoyu, alho e cebolinha, típicas da Mongólia. A ideia, comum na tradição chinesa, é compartilhar os pratos. De entrada, faz sucesso uma combinação de frango, cogumelos e cebolinha. É o próprio cliente quem coloca o recheio em folhas de alface, montando um tipo de wrap.

Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 627 - Vila Nova Conceição - Oeste. Telefone: 3044-0571 Endereços

Regular Tantra (Asiática)

Tons de vermelho, orquídeas e estátuas de Buda marcam o ambiente dessa casa que serve pratos de inspiração asiática. À la carte, destacam-se receitas como a salada de lula e lichia e o camarão empanado com amendoim, servido com purê de banana. O comensal ainda pode combinar ingredientes no bufê "mongolian grill", entre carnes, peixes, ervas e condimentos, e entregá-los ao chapeiro, que finaliza o prato. De sobremesa, há cheesecake de pera com gengibre.

Tantra (Vila Gomes Cardim): R. Itapura, 721 - Vila Gomes Cardim - Leste. Telefone: 2157-2891 Endereços

Bom Tian (Asiática)

A cozinha do restaurante tem inspiração asiática, com destaque especial às receitas do sudeste asiático e do extremo Oriente. O cardápio tem bom custo-benefício. Entre as opções do menu-executivo, o picadinho oriental leva filé-mignon, pimentões, castanha-de-caju, cenoura e molho de ostras -o pedido inclui entrada e sobremesa.

R. Jerônimo da Veiga, 36 - Jardim Europa - Oeste. Telefone: 2389-9399 Endereços

Regular Tiger (Asiática)

Com decoração charmosa e varanda de madeira, este restaurante asiático traz no cardápio pratos do Japão, China e Tailândia, como o gái pád med mamuang (filé de frango frito com cebola, cogumelos, castanha-de-caju e molho de ostras)

R. Jacques Félix, 694 - Vila Nova Conceição - Sul. Telefone: 3045-2200 Endereços

Tomyam (Asiática)

Instalada na região do Jardins, a casa investe na culinária do sudeste asiático, com ênfase na cozinha tailandesa. Marca do restaurante, os pratos, como o pad thai e a sopa que leva o nome da casa, são apimentados e oferecidos em diferentes graus de picância -a escala vai de zero (sem o condimento) a quatro (extremamente picante).

R. José Maria Lisboa, 1.065 - Jardim Paulista - Oeste. Telefone: 4329-1002 Endereços

Regular À Mineira (Brasileira)

A rede funciona em sistema de bufê, com receitas como feijão-tropeiro, frango com quiabo e rabada com agrião. Destaque para o rodízio de petiscos realizado de segunda a sábado na happy hour, com chope em dobro.

Al. Joaquim Eugênio de Lima, 697 - Jardim Paulista - Oeste. Telefone: 3283-2349 Endereços

Regular Acarajé da Dona Inês (Brasileira)

Depois de servir acarajés na rua, a baiana Inês encontrou um imóvel simples na Vila Medeiros (vizinho ao Mocotó) em que oferece os bolinhos de cobertura crocante e recheio cremoso (R$ 10 a unidade). Além da especialidade, oferece bons pratos com peixes e frutos do mar.

Acarajé da Dona Inês (Santana): R. Francisca Júlia, 524 - Santana - Norte. Telefone: 2369-7001 Endereços

Bom Amazônia (Brasileira)

O paraense Paulo Leite apresenta clássicos da culinária amazônica, como o pato no tucupi e o tacacá, um caldo que leva folhas de jambu, camarão seco, tucupi e goma de mandioca. Outro destaque é a maniçoba, que lembra a feijoada, de origem indígena, feita com a folha da mandioca moída e fervida por sete dias. Prove os sorvetes, que vêm de Belém em sabores como cupuaçu e graviola.

R. Rui Barbosa, 206 - Bela Vista - Centro. Telefone: 3142-9264 Endereços

Regular Andrade (Brasileira)

Tradicional em Pinheiros, trabalha com a culinária nordestina. Tem ambiente simples e música ao vivo, com animado forró improvisado entre as mesas. Entre as receitas mais pedidas estão a carne-seca desfiada com abóbora e mandioca, a carne-de-sol com baião-de-dois e a moqueca de badejo com molho de camarão, pirão e arroz. Os pratos são suficientes para servir duas pessoas. Aos domingos, o couvert não é cobrado

R. Arthur de Azevedo, 874 - Pinheiros - Oeste. Telefone: 3064-8644 Endereços


Saiba como criar e imprimir um guia personalizado, com o que fazer, onde comer e onde beber.

Acessar

Avaliações de cinema, teatro e exposiçõesAvaliação de bares e restaurantes
ótimoótimo
bommuito bom
regularbom
ruimregular
péssimoruim